sábado, 23 de março de 2013




A FORÇA DO OLHAR 
O olhar feminino.
A força hipnótica 
que transforma, 
fecunda o homem
para nele
ressurgir o menino.
Dádiva encantada
num corpo abençoado.
Pacífico riacho
ou turbilhão
de ondas marítimas.
Posseiro das ilusões
e dos sonhos.
Promessa de tesouro,
mistério que a tudo oculta.
Tem o poder
de domar a força,
que torna vulnerável
o escudo do ser masculino.
Atraindo aquele
que se sente acuado.
Presa e predador.
Quando se percebe,
já é tarde demais para fugir,
falta vontade, falta estímulo.
Melhor acomodar-se,
concluir que a força
se curva à beleza,
desprezando a própria sensação
de fraqueza.
Entregando-se com a felicidade
dos inocentes, com a candura
dos anjos aos encantos fémini. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário